Resenha | Amélia Sem Filtro – um romance sobre primeiro amor, autodescoberta e transformações

Ficha Técnica
Livro: Amélia Sem Filtro
Autor: Mariana Mortani
Editora: Se Liga Editorial
Número de Páginas: 154
Ano de Lançamento: 2020


“Amélia Sem Filtro” é o segundo volume da série “Amor entre garotas”, publicado pelo Se Liga Editorial, da autora youtuber Mariana Mortani.

Resenha | The Prom: a festa de formatura – É hora de construir uma festa para todos!

Na trama do livro, conhecemos Amélia, uma garota de 17 anos, que sempre esteve rodeada de regras e limites impostos por sua família, tornando-se uma pessoa recheada de segredos. Ela tem um relacionamento complicado com sua mãe, Dona Cinthia, então quando a mesma a flagra beijando sua vizinha, Clarice, ela (a mãe) a carrega para uma viagem surpresa em que qualquer meio de comunicação está proibido.

“É claro que a gente sempre vai querer encantar a pessoa por quem está a fim, claro que vamos querer chamar atenção para o nosso melhor lado — continuou. — Mas relacionamentos não devem ser perfeitos. Ninguém pode te proporcionar um conto de fadas.”

Todo ano, Dona Cinthia, encontra suas amigas (Leona, Alexandra e Francesca) em Maricá e esta é a primeira vez que Amélia está sendo incluída em algo que era sagrado entre elas. O local em que se hospedam pertence a Leona e está em reforma, entretanto, além delas, um grupo de adolescentes conseguem reservar quartos, mesmo na bagunça, e passam um tempo, o que óbvio, muda a vida da personagem principal.

LesB Indica | Little Fires Everywhere – produção que explora o peso dos segredos familiares

Camila, uma das pessoas hospedadas, é uma garota misteriosa que, aos poucos, consegue mudar as perspectivas de Amélia. A relação desenvolvida entre as duas é de aquecer o coração, e se inicia como se fosse um romance de verão, porém, não para por aí e mostra também a vida da garota após a viagem surpresa onde as duas se separam.

“O amor só é um lugar solitário se você se apaixona sozinha. E se você carrega aquilo nas costas, o nome passa a ser ilusão.”

A narrativa de autodescoberta, primeiro amor, mudanças e amor próprio são temas abordados por Mariana Mortani de forma encantadora. A autora consegue fazer com que qualquer garota LGBTQIA+ se identifique de alguma forma com a história de Amélia, tornando única a experiência com o livro.

LesB Saúde | Como questões de luto se relacionam com a população LGBTQIA+?

Um ponto a destacar na narrativa é a relação de mãe e filha, que é muito bem construída e mostra a realidade de muitas adolescentes que se sentem incompreendidas pela família. Entretanto, muitas vezes estão presas em um ponto de vista limitado e vivem apenas em torno do seu umbigo, ação muito comum na fase da adolescência. Desta forma, Mortani consegue demonstrar que relações familiares saudáveis só existem através da conversa, troca e confiança.

“- Respeito e acredito em todas as formas de amor. A minha maneira de amar é particular, só diz respeito a mim, mas não preciso levantar só as minhas bandeiras. O amor não deve ter gênero, status ou quantidade. O amor deve ser livre.”

“Amélia Sem Filtro” é um livro que você vai ler sem pretensão alguma e se surpreender muito positivamente, podendo tornar-se uma das melhores histórias de romance sáfico que você desfrutará este ano. Mesmo que você não se apaixone pelas duas adolescentes principais, vai existir alguma personagem que irá te conquistar.

Bruna Fentanes

Bruna Fentanes

Baiana, designer e estudante de jornalismo. Acredita que vive em seu próprio conto de fadas e se divide entre suas duas obsessões: livros de romance e séries teen.

Deixe uma resposta