LesB Indica | As Mil e Uma – um longa-metragem sobre outras visões de mundo

“As Mil e Uma” é um filme argentino em parceria com a Alemanha que inicialmente mostra a historia de Iris (Sofia Cabrera), uma menina que, depois que saiu da escola, foi passar um tempo com a tia e os primos em uma comunidade Argentina. O longa se ambienta neste local e mostra o dia a dia dos moradores.

LesB Indica | Anyone But Me – websérie sobre relacionamento e distância

A produção gira em torno dessa comunidade. Enquanto Iris tenta andar normalmente e viver a sua vida fazendo o que mais ama, jogar basquete, ela é provocada com insultos homofóbicos. Algo que, por mais que interiormente ela se sinta mal, por fora a sua atitude é de levantar a cabeça e seguir o seu caminho. É importante ressaltar os aspectos apresentados como a homofobia e o machismo, a vida em um conjunto habitacional e a presença de mais de um personagem homossexual, pois o primo dela, Darío (Mauricio Vila), é gay e vive no mesmo também neste lugar.

Resenha | Rainhas Geek – obra literária recheada de nerdices

O romance chega na história quando Iris se mostra apaixonada por Renata (Ana Carolina García), uma menina com quem teve uma breve amizade quando eram mais novas e que jogava basquete com ela. A questão em “As Mil e Uma” está em como Renata cresceu. Diferente da protagonista, Renata teve poucas oportunidades, precisou se prostituir para sobreviver e acabou se contaminando com HIV. Além de ser um tabu entre todos da comunidade, é também, para os outros personagens da trama, adolescentes que não tem nenhuma ou quase nenhuma informação.

Com direção de Clarissa Navas, o longa foi exibido primeiramente no Festival de Berlim e mostra a luta incansável contra o preconceito dentro da comunidade em relação ao romance das duas e o fato de Renata ser soropositiva, o que traz reflexões importantes acerca da doença. Para além disso, faz o espectador pensar sobre outras visões e construções de mundo, fugindo das produções estadunidense.

LesB Saúde | Saúde Mental e a bissexualidade

“As Mil e Uma” é um drama e está disponível no Brasil pela Netflix. É importante ressaltar que devido as discussões e as cenas que focam em conteúdo sexual, o filme tem classificação etária para maiores de 18 anos.

Monica Teixeira

Monica Teixeira é estudante de Pedagogia. Amante das séries de TV e não perde um episódio de Legends Of Tomorrow. Ela vive na Cidade Maravilhosa, Rio de Janeiro.

Deixe uma resposta