Wanuri Kahiu assina com a produtora The Gotham Group

De acordo com o Deadline, a cineasta Wanuri Kahiu assinou com o The Gotham Group, mesma produtora dos filmes de “Maze Runner”. A queniana teve o longa-metragem “Rafiki”, o qual escreveu e dirigiu, divulgado recentemente no Festival de Cannes, onde fez história ao ser o primeiro longa representando o país africano.

A produção, que foi proibida no país de origem, onde ter relações sexuais com alguém do mesmo sexo resulta em 14 anos de prisão, conta a história de duas jovens, de famílias com visões políticas divergentes, que resistem a rivalidade e se tornam amigas, apoiando os sonhos uma da outra dentro de uma sociedade conservativa. Quando o amor acontece entre as duas, elas são obrigadas a escolher entre felicidade e segurança.

O filme foi aplaudido de pé durante a exibição em Cannes, que contava com a presença da diretora e das protagonistas. A CEO e fundadora do The Gotham Group, Ellen Goldsmith-Vein, disse:

Wanuri Kahiu é uma mulher prodigiosamente talentosa e brilhante. Como defensora dos africanos, especialmente das mulheres jovens, Wanuri se estabeleceu como uma importante força cultural. O fato dela se recusar a editar ‘Rafiki’ de qualquer forma para evitar a proibição queniana é um testemunho da coragem e do comprometimento de Wanuri com sua visão criativa.

Confira o trailer do filme:

Karolen Passos

Karolen Passos

Karolen Passos é a co-criadora do LesB Out!. Jornalista e crítica há oito anos, ela já escreveu para diversos sites e hoje é uma das colaboradoras do CinePOP. Fã de séries desde Gilmore Girls, a carioca têm mais de 40 títulos na grade atual e uma coleção crescente de quadrinhos. Ela mora no Rio de Janeiro com Bruce Wayne, o BAT-CAT.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *